Pè do Monte
DO PICO Reserva 2018

 

Produzido a partir de castas nativas em vinhas antigas, entre 70 e 80 anos, nos “lajidos” da Criação Velha. Os vinhedos produzem baixa produtividade e todo o trabalho é feito manualmente.

Uma seleção meticulosa das uvas é feita no local, as uvas são rapidamente transportadas em pequenas caixas para a “adega” e processadas num lagar vertical com o uso de inércia. O vinho foi sujeito a uma maceração pré-fermentativa e depois fermentado em cubas de cimento refrigerado com posterior envelhecimento durante 23 meses. Trata-se de uma edição numerada de 1624 garrafas. Este vinho será um marco do vinho açoriano.

Ameixâmbar
IG Açores 2019

 

Uma mistura perfeita de uvas da zona dos Capelinhos na ilha do Faial – o local da erupção das cinzas vulcânicas em 1957 – e dos “lajidos” da Criação Velha na ilha do Pico, o que dá um equilíbrio único a um vinho.

O vinho foi fermentado e envelhecido em cimento durante 4 meses num túnel de carvalho francês sem ser torrado.

Terra Brum
DO PICO Reserva 2018

 

Produzido a partir de uma área selecionada das vinhas do Solar Terra Brum, localizado em Areia Larga, na ilha do Pico, a partir de vinhas antigas de castas nativas.

Este vinho fermentou em cubas de cimento refrigerado com posterior envelhecimento durante 23 meses. O Solar Terra Brum tem uma história antiga que remonta a 1796, quando o seu primeiro proprietário, Morgado José Francisco da Terra Brum, começou a explorar intensivamente para a produção de vinho as suas terras que se estendiam desde Areia Larga até São Mateus.

Ameixâmbar
IG Açores 2018

 

Duas ilhas, Faial e Pico, dois solos vulcânicos diferentes para um vinho absolutamente único.

Produzido a partir de uvas nativas cultivadas em duas áreas diferentes, cada uma com a sua “singularidade” especial, as cinzas vulcânicas dos Capelinhos e o manto basáltico da Criação Velha com a intensa influência do Oceano Atlântico Norte.

Rola-Pipa
DO PICO Reserva 2017

 

O Rola-Pipa vem da combinação única de variedades nativas, solo vulcânico e clima atlântico.

As videiras antigas são plantadas na crosta do manto de lava, protegidas dos ventos do oceano por paredes de pedra basáltica. A histórica área vitícola do “Lajido da Criação Velha” com a sua extraordinária beleza produz um vinho heróico que exprime um terroir único e resulta de métodos naturais de vinificação. Colhido à mão, prensado e fermentado com leveduras indígenas, envelhecido em tulipas de cimento durante 18 meses sobre as suas borras. Envelhecido em garrafa durante 6 meses antes de ser lançado no mercado.